Passar para o Conteúdo Principal Top
Logotipo Centro Hospitalar São João

icone topo site (002)

Novo equipamento de Ressonância Magnética inicia atividade permitindo incrementar o número de exames efetuados no CHUSJ

07 de Abril de 2021
Sala de angiografia 1 1024 550

Iniciou esta semana a atividade do inovador equipamento de Ressonância Magnética (RM) de alto campo (3T), que permitirá aumentar de forma relevante o número de exames efetuados no CHUSJ, internalizando a generalidade da atividade.

Nas palavras de António Madureira, diretor do Serviço de Radiologia do CHUSJ, o equipamento em funcionamento permitirá "aumentar a capacidade de resposta às necessidades do Hospital e reduzir o envio de exames de RM para o exterior". Este equipamento permitirá ainda a "realização de novos exames de Radiologia que não era possível realizar anteriormente como a RM de corpo inteiro, exames cardíacos com estudo de perfusão miocárdica, entre outros".

Segundo Maria Luís Ribeiro da Silva, médica do Serviço de Neurorradiologia "este aparelho permite uma grande melhoria da qualidade dos exames devido à melhor qualidade do equipamento e otimização dos estudos funcionais e de outras técnicas avançadas de diagnóstico. Com a instalação de aparelho de anestesia neste equipamento, será possível realizar exames de RM de alto campo (3T) com anestesia, alargando a capacidade de resposta do Hospital."

Foi ainda visitada a nova sala de Angiografia Digital que entrou em funcionamento há cerca de um mês, utilizada de forma intensa pelos Serviços de Radiologia, Neurorradiologia e Angiologia e Cirurgia Vascular (SACV). Este espaço foi requalificado e apetrechado com um moderno angiógrafo biplanar, que vem duplicar a capacidade de resposta do CHUSJ para estes procedimentos.

De acordo com José Fernando Teixeira, diretor do SACV, "este aparelho vai permitir dar uma resposta atempada aos casos urgentes e eletivos de diagnóstico e tratamento da patologia vascular periférica e exclusão endovascular de pessoas com aneurisma torácico ou abdominal."

Para Maria Luís Ribeiro da Silva, "a aquisição deste aparelho permite reduzir de forma significativa a dose de radiação a que os pacientes estão expostos, assim como realizar técnicas de intervenção com maior segurança." A Unidade de Radiologia de Intervenção também irá beneficiar muito com esta aquisição pois esta permitirá uma resposta mais atempada e de maior qualidade ao crescente número de pedidos, quer programados, quer de urgência 

Sala de angiografia 1 1024 2500
Rm 1 1024 2500
Novo equipamento de rm 1 1024 2500