Passar para o Conteúdo Principal Top
Logotipo Centro Hospitalar São João

icone topo site (002)

Ginecologia

Data de Criação - 5 de agosto 1959 (Ginecologia)

Diretor de Serviço - Jorge Beires

Enfermeiras Chefes - Maria Ana Braz Fernandes

Política do Serviço de Ginecologia (GIN)

O GIN, no âmbito da UAG da Mulher e da Criança, compromete-se a efetuar adequada resposta às necessidades clínicas dos seus Utentes/ Doentes, visando a satisfação dos mesmos através de uma assistência diferenciada à mulher nas diferentes fases do ciclo reprodutivo, com ênfase no diagnóstico e tratamento da esterilidade conjugal, doença ginecológica benigna e maligna e incontinência urinária e disfunção do pavimento pélvico, com cuidados médicos e cirúrgicos humanizados e de qualidade.

O GIN é constituído por profi ssionais que desenvolvem permanentemente as suas competências, empenhados e motivados para execução dos cuidados médicos e cirúrgicos humanizados e de qualidade, visando a melhoria contínua do GIN e dos seus Utentes/ Doentes.

O GIN compromete-se também a aplicar a norma de referência NP EN ISO 9001 e da legislação aplicável.

Missão

A assistência diferenciada à mulher nas diferentes fases do ciclo reprodutivo, com ênfase no diagnóstico e tratamento da infertilidade, doença ginecológica benigna e maligna e incontinência urinária e disfunção do pavimento pélvico.

Proporcionar cuidados médicos e cirúrgicos humanizados e de qualidade garantindo melhor reafetação dos recursos disponíveis.

Colaboração na formação pré e pós-graduada em todas as áreas da Ginecologia. Garantir o acesso a cuidados diferenciados de qualidade e a técnicas de tratamento e diagnósticas inovadoras.

Visão

Ser uma referência nacional na medicina de reprodução, na área de diagnóstico genético pré-implantação e de grupos de risco para complicações inerentes à reprodução, e internacional da especialidade da Ginecologia, reconhecida pela competência técnica e científi ca dos seus profi ssionais, pela capacidade formativa e pela investigação científica.

Valores

  • Competência técnico-científica;
  • Respeito pela Pessoa;
  • Diligência;
  • Verdade;
  • Transparência.

Objetivos

  • Satisfação dos clientes
  • Taxa de acessibilidade
  • Tempo de espera médio para a realização de primeira consulta (Oncologia, Geral e Infertilidade)
  • Evolução dos motivos de não conformidades (NC)
  • Avaliação de desempenho dos fornecedores
  • Taxa alta da consulta externa
  • Diminuição das complicações
  • Taxa de re-operações
  • Taxa de reinternamento a 30 dias
  • Educação para saúde
  • Prestação de cuidados de enfermagem
  • Taxa ecografi as sem marcação realizadas na consulta
  • Evolução do número de urgências
  • Taxa de sucesso
  • Taxa de ciclos cancelados
  • Tempo médio espera para cada ciclo
  • Satisfação dos Profi ssionais
  • Nível de competências
  • Índice de gravidade de acidentes (profi ssionais)
  • Cumprimento do plano de atividades
  • Cumprimento da contratualização
  • Certificação da UMR

Organograma